0

Sinceridade...


Ontem eu li um texto muito bacana,que por sinal é muito a minha cara ..
Hoje eu acordei mais pensativa do que o normal.... (pq  sempre acordo sonolenta e meio tonta) 
Mas eu acordei pensativa e muito porque graças a Deus, eu nasci com um cérebro e sei usar, as vezes dou uns vacilos aí neh... rs
Como eu tinha lido esse texto dormir pensando.
Acordei pensando na tal famosa sinceridade e como ela faz parte do meu dia-a-dia. 
Eu me considero uma pessoa muito sincera, algumas vezes política, raramente mentirosa. 
Mas questão não é bem essa .. 
A questão é: como sou muito mais sincera que grande parte das pessoas que me cercam sou vista como grossa, de bocuda de ter a língua afiada. 
Chego a infeliz conclusão que sinceridade virou defeito. 
Virou defeito ter opinião própria. 
Virou defeito ter vontade própria. 
Virou defeito não compartilhar da mesma opinião, porque você é sincera e fala a verdade: “Não concordo com isso!”. Ser sincera nunca foi e nunca será sinal de grosseria galera.
As pessoas acham isso grosseria porque não são acostumadas a ouvir verdades, embora se julguem no total direito de dizê-las. 
Sinceridade também não é sinônimo de língua afiada. 
Novamente é questão de não querer ouvir, nem aceitar as verdades da vida. 

Sinceridade, quando sabemos usar, é muito bom. 
Principalmente quando usamos com nós mesmos. 
Quando nos olhamos no espelho e conseguimos ser sinceros a respeito do que somos, sentimos e pensamos. 
Sinceridade vai muito além do chegar para uma ex-amiga e dizer: “Não quero mais olhar pra sua cara porque você é uma otária.” 
Sinceridade é saber responder com classe que você não quer mais falar com a pessoa porquê ela se tornou desnecessária, porque não agrega, porque só faz mal. 
Com classe. 
Sem desencadear uma guerra. 
Cheguei a conclusão sinceridade é uma coisa para pessoas maduras. 
Que sabem ouvir as respostas das perguntas que fizeram e aceitam, mesmo se não concordam. 
Já cansei de ser taxada de grossa quando respondo sinceramente à uma pergunta. 
Minha reação? – Se não quer saber a verdade, por que perguntou? 
Claro não tão simples, não é? 
Sinceridade é uma virtude de poucos. 
Dos fortes. 
Dos corajosos. Sim, porque precisa de coragem e muita, para assumir ser sincero no dia-a-dia. 
Felizmente, não mudarei essa minha característica. 
Não quero mudar isso. É um ponto forte.
É como desejo que as pessoas sejam comigo. 
Sinceras, com respeito. 

O mundo seria bem melhor assim.
Então galera não se importe o que as pessoas vão pensar, o que vão achar ...
Sinceridade acima de tudo levanto essa bandeira.
E para vc que gosta de viver só de mentira, ilusão, de faz de conta... vão tudo pro inferno..
Afinal é lá que ficaram os mentirosos

Beijinhos
hasta a la vista baby





Texto Leoa .. Adaptado

0 comentários:

Postar um comentário

linkwithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...